Recomendação: Blues Pills – Blues Pills (2014)

O novato quarteto Sueco-Franco-Americano Blues Pills cria um som único, intenso e bem rock n’ roll. Com influências de The Original Fleetwood Mac, Led Zeppelin, Jimi Hendrix, Janis Joplin and Cream.

Ocasionalmente surgem as versões 2.0 de bandas antigas. Sabe, quando falam que “Banda X é o novo Led Zeppelin!” ou “Conheça o novo Black Sabbath!”? Pois é… do Led Zeppelin, em particular, eu já perdi as contas; inclusive escrevi sobre umas delas, Scorpion Child. Sempre vejo isso como um puta elogio para a banda, mas por outro lado tira completamente o mérito dos músicos. Dessa vez foi a vez do Blues Pills, uma banda sueca que vem angariando fãs. Sua sonoridade e identidade visual traz à tona toda a história do psicodelismo criada por Jimi Hendrix e sua patota.

Blues Pills é um quarteto de Blues Rock com bastante influências de Psychodelic Rock. Cá entre nós, essa descrição não convence mais ninguém hoje em dia, existem toneladas de bandas assim. O que chama atenção é como entregam um som com personalidade e uma atmosfera voltada às raízes do rock, sem perder as similaridades mais novas, como Tedeschi Trucks Band e Ana Popovic. É formada por dois ex-membros da Radio Moscow (o baixista Zack Anderson e do baterista Cory Berry), com a adição da Elin Larsson – e seu vozerão – nos vocais, e do jovem Dorian Sorriaux na guitarra, recrutado na época com apenas 17 anos.

A discografia é pequena, apenas dois álbuns e uma penca de singles. Uma boa forma de começar é com Blues Pills (2014). Um disco bem equilibrado, fácil de ouvir e fácil de gostar. Algumas músicas são mais lentas e outras mais psicodélicas, gerando um disco bem versátil e nada enjoativo.

Para quem gosta de bandas com mulher no vocal: tá afim de pegar um som “novo” revigorando um estilo já bem batido? Essa é a pedida!

Link: https://open.spotify.com/album/5hXHKqaXLmkGTx7zxbjQDJ
URI: spotify:album:5hXHKqaXLmkGTx7zxbjQDJ

Conteúdo relacionado

Comente

%d blogueiros gostam disto: